Café espresso ou expresso: Qual o certo?

Café espresso

Você entra em uma cafeteria, lê o cardápio e pede um… espresso ou expresso?

A discussão entre estresso ou expresso faz parte da língua portuguesa desde que este tipo de café faz parte das modalidades mais populares do país. Na prática, as duas palavras possuem uma origem e um significado específico diferente, embora refiram-se à mesma bebida.

Quando falamos sobre um café expresso, o termo indica a velocidade de sua execução. Assim como uma lavagem expressa, a entrega deste café é rápida, após iniciado o seu preparo. Isso é, de fato, uma característica real do café.

Por outro lado, espresso faz referência à forma italiana de referir-se à palavra, e indica sua origem etimológica de “espremer”, “pressionar”. Diz respeito à forma de se obter o café, que está pronto em menos de meio minuto, em geral.

Desta forma, é correto dizer que o espresso é expresso, o que gera uma certa confusão na hora de se definir a forma de chamar a bebida na língua portuguesa. Saiba como a língua portuguesa lida com essa situação, e qual a forma correta de se escrever a palavra:

Qual é a forma correta de se escrever?

Na verdade, nenhuma das expressões estão exatamente erradas. A forma correta depende da forma como você pretende referir-se ao café. De acordo com as palavras contidas na língua portuguesa, a maneira adequada seria “expresso”, pois a palavra com “s” simplesmente não existe.

No entanto, se você pretende utilizar a maneira original de se escrever a palavra, “espresso” é totalmente aceitável. Trata-se de um estrangeirismo, assim como a palavra “show”.

Deve-se levar em consideração que “expresso” não é a tradução da palavra “espresso”, pois possuem origens etimológicas diferentes. A adoção da versão “aportuguesada” se dá em função da associação entre a forma falada dos termos.

Por isso, na escolha entre café espresso ou expresso, depende da escolha entre a expressão original, e a versão que existe no dicionário brasileiro.

Leia também:

É errado escrever “espresso” em um documento formal?

Não necessariamente. Em um documento formal, no entanto, é necessário que você faça referência ao fato de a palavra ter sido incorporada da língua italiana. É necessário indicar isso com a marcação em itálico, ou uma nota de rodapé que demonstre tal característica.

Um bom paralelo para a situação, é a comparação com a palavra show. O termo “café espresso” deve ser utilizado com o mesmo cuidado especial da palavrada língua portuguesa, enquanto sua versão com “x” corresponde à utilização do termo “apresentação”, ou “exibição”.

Qual a forma mais segura de referir-se ao café?

Em geral, o mercado do café opta pelo termo espresso, por questões de marketing. O termo faz referência à forma original de utilizar-se a expressão na Itália, o que confere certa propriedade e sofisticação ao produto.

Assim como os fabricantes, especialistas em café costumam dar preferência ao termo com a letra “s”, no embate entre espresso ou expresso. Desta forma, o respeito à forma original costuma ser a maneira mais segura de referir-se ao produto.

Deve-se considerar, no entanto, que a versão que está de acordo com a língua portuguesa é igualmente correta, sem nenhum tipo de prejuízo para quem optar por ela.

Leia também: